quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Os Adoçantes...


Adoçantes: um hábito saudável?!


Ao abrirmos algumas revistas ou assistirmos à televisão, somos bombardeados com anúncios em que modelos maravilhosas nos prometem corpos esculturais se trocarmos o açúcar por adoçante ou se utilizarmos produtos diet ou light. Refrigerantes, geléias, gomas de mascar, balas, chocolates e achocolatados são até vendidos como alimentos mais saudáveis quando não têm açúcar em sua composição.

Muitas vezes, não resistimos ao apelo da mídia e acabamos consumindo diariamente uma grande quantidade de adoçante. Mas você já parou para pensar no mal que pode lhe fazer esse uso abusivo?

Os adoçantes foram criados para auxiliar pessoas diabéticas a controlar o nível de açúcar no sangue. Primeiro, surgiu a sacarina e, depois, os ciclamatos, ambos derivados do petróleo. Em seguida, apareceu o aspartame, um dos adoçantes mais populares atualmente. Ele possui a mesma quantidade de calorias que o açúcar, mas tem um poder de adoçar aproximadamente 200 vezes maior e, por isso, pode ser usado em pouca quantidade.

O aspartame resulta da combinação química do ácido aspártico e da fenilalanina com o metanol, que é altamente tóxico. Como a quantidade de metanol usada é muito pequena, considera-se o adoçante inofensivo. Não são levados em conta, porém, os seus efeitos cumulativos no organismo. Para evitar problemas futuros, não se recomenda a ingestão de produtos com aspartame por crianças e gestantes.

Mas não se assuste e não saia jogando no lixo todos os seus produtos diet ou light.

É importante apenas evitar o consumo excessivo até que haja mais pesquisas comprovando que eles não são tóxicos. Afinal, tomar cuidado nunca é demais!

No quadro abaixo, você pode conhecer as características de alguns adoçantes.

Adoçante

Poder adoçante

Sabor

Consumo máximo diário

Desvantagens

Aspartame

0,5 a 0,7 mais que o açúcar

Semelhante ao açúcar

40 mg/kg

Perde seu poder adoçante em altas temperaturas e não pode ser usado por fenilcetunúricos

Sorbitol

120 a 220 vezes mais que o açúcar

Semelhante ao açúcar

5,5 mg/kg

Ação laxativa em altas doses

Stévia

300 vezes mais que o açúcar

Residual amargo

5,0 mg/kg

Sem desvantagens

Sacarina

200 a 700 vezes mais que o açúcar

Residual amargo metálico

5,0 mg/kg

Qualidade do sabor e quantidade exagerada de sódio na sua fórmula

Ciclamato

30 a 140 vezes mais que o açúcar

Residual amargo persistente

11 mg/kg

Qualidade do sabor e quantidade exagerada de sódio na sua fórmula

Acesulfame-K

125 a 250 vezes mais que o açúcar

Semelhante ao açúcar

9 mg/kg

Dificilmente disponível no mercado

Sucralose

400 a 800 vezes mais que o açúcar

Semelhante ao açúcar

15 mg/kg

Preço muito alto


ALGUMAS DICAS SOBRE OS ADOÇANTES

• Alterne sempre o tipo de adoçante utilizado.

• Os adoçantes também têm calorias, ainda que bem menos que o açúcar. Consuma-os com moderação.

• Utilize com cautela os produtos com sorbitol, pois essa substância tem efeito laxativo que pode variar de acordo com a sensibilidade de cada indivíduo.

• Pessoas com hipertensão arterial ou problemas renais devem estar atentos à quantidade de sódio de cada adoçante.



Por Gisele Raymundo - Nutricionista

12 comentários:

Lindonede disse...

Ainda não consegui me acostumar com os adoçantes, o sabor do alimento sempre muda um pouco, mais eu vou conseguir.

Neli disse...

eso de comer cada 3 hs me esta costando mucho, compre galletas de salvado y las deje en la oficina....

Nanda Bezerra disse...

Okay Neli, agora vc me pegou... O que são galletas de salvado?

mag disse...

E o açucar mascavo, não seria uma opção saudável também ?..eu cheguei a usar adoçante, mas tambem muda o sabor...por esses dias me arrisquei a tomar tudo sem açucar nem adoçante..urrggg...mas to na fé...suco, leite desnatado, chá verde..ate agora estou fiel rsrs, bj

gil estrela disse...

Tudo e questão de habito,não tomava adoçante de jeito nenhum,mas por orientação medica começei a domar adoçante,mas tem que tomar cuidado com os excesso,porque a diferença entre remédio e veneno e a dose então nada de exagero.

♥♥♥ Andreiα ♥ Rochα ♥♥♥ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
♥♥♥ Andreiα ♥ Rochα ♥♥♥ disse...

uma nutricionista me orientou a usar o adoçante de stevia detestei a ideia mais estou tentando me acostumar. Quero confessar que hoje comi um pedaço delicioso de bolo de chocolate e uns docinhos maravilhosos mais não se preocupem não vou pedir pra sair não rsrs é que hoje é meu aniversário e ganhei uma festa surpresa das obreiras da minha igreja foi tudo de bom! e a Paully que é obreira de lá e também está no desafio (para engordar) ficou bem me vigiando só pra me dedurar rsrs mais já acabou as comemorações, foi bom enquanto durou, estamos de volta na batalha. beijos de Andreia Docinho

Neli disse...

kkkkk GALLETAS DE SALVADO!! mmmm son parecidas al pan diet. Un besito grande

Neli disse...

kkkk Andreia Rocha....yo también ayer hice una zafadita, pero no deje que eso me desanime y segui firme en el proposito de vida saludable, FELIZ ANIVERSARIO Andreia!!

♥♥♥ Andreiα ♥ Rochα ♥♥♥ disse...

Obrigada Neli, já estou de volta a guerra não vou desistir!
Un besito !!!

Docinho americana disse...

D.Nanda quando seja possivel traduzir para as "forminhas" elas agradeceram:
*Eat This to Stop Sugar Cravings*
by Mehmet C. Oz, MD, and Michael F. Roizen, MD |

Knowing what’s causing your sugar cravings can help you put a cap on them long before they force you into bigger clothes. Which of the three main types of cravings do you have?
1. You say: Feed me now, or I’ll kill you. This usually reflects low blood sugar. Eating sugar helps in the first few minutes but makes things worse in the long term.
Break it: Sucking on a Tic Tac or two can be enough to stop the attack. After that, eat more protein and fewer sweets to keep your blood sugar stable. And eat those foods often: Multiple small meals instead of three big ones decrease cravings.
2. You say: I’d really like a Twinkie. You generally feel okay but find yourself going through your cabinets looking for a Ho Ho.
Break it: Holistic docs say (without great evidence, yet there have been some successful treatments) this could reflect yeast overgrowth in the gut and that treating it with probiotics (healthy bacteria) can help. We like probiotics made from bacillus coagulans, such as Digestive Aide or Sustenex.
3. You say: It’s my period, and I’m depressed. Low levels of serotonin (the “happiness molecule”) around your period can cause you to crave carbs.
Break it: Eating dark chocolate (not a whole storeful; try an ounce or so) will supply a natural antidepressant called PEA, plus the carbs you crave.
And any other time you think you might eat something when you’re not really hungry, go for a walk or have some water. Much of the “I want to eat” feeling stems from lack of sleep (walking can help wake you up), lack of sex, or lack of water.
www.RealAge.com

Vanessa-Japao disse...

ola' Dn Nanda,bem aqui no japao nao temos muitas escolhas de alimentos,pois eles comem coisas que se quer sabemos o que e'..apesar de tudo,aumentei minhas saladas,diminui mais ainda no arroz,(pois ja estava comendo menos),e estou bebendo mais cha' e sucos naturais estou muito feliz,tirei minhas medidas agorinha mesmo e ja diminui nos bracos(que e' um grande problema)quadril e coxa,pois estou fazendo caminhada.vamos seguindo,nesse proposito,um super beijo....arigato!