domingo, 11 de julho de 2010

Comentários Maliciosos...


Desafio 39 para as solteiras

Ela já está na igreja por um bom tempo, participa das evangelizações, de gupos na igreja, enfim, é uma membro ativa...

Todos a conhecem, ela faz parte do Grupo Jovem, procura estar em todos os eventos e ajudar no que pode... Mas existe um porém... Ela não tem visto frutos de todo esse empenho em sua vida pessoal e espiritual...

"Onde está o erro?!" Ela se pergunta.

Resposta:

Não faço a mínima idéia!

Pois é amiga, cada caso é um caso, e cada pessoa precisa analisar sua própria vida.

Você precisa parar tudo e analisar a si mesma, suas intenções, suas atitudes, etc...

Quem te conhece melhor do que você mesma? Só Deus!

O que posso fazer para te ajudar é trazer a baila, alguns probleminhas que agem como "ovelhinhas" dentro de nós, mas que na realidade, são verdadeiros lobos...

Hoje quero falar de "Comentários Maliciosos".

Que tipo de comentários tem saído da sua boca?

Você é do tipo que fica fazendo comentários a "torto e a direito" de coisas que você vê e não gosta ou não concorda?

Agora eu te pergunto, que benefício esses comentários podem ter?

Será que vão ajudar naquela situação ou vão apenas ser passados de um para outro com a quantidade de "veneninho" injetado nas palavras?

Uma jovem outro dia me escreveu, dizendo que ela precisava de ajuda. Ela havia condenado um projeto e feito muitos comentários negativos, mas que hoje, depois de se informar melhor, achou o tal projeto uma idéia ótima e gostaria de fazer parte dele, mas que agora depois de tanta propaganda negativa, pessoas se opunham que ela fizesse parte...

Você vê como são as coisas?

Pagamos por nossa língua!

Mas aqui vai o mais importante de tudo...

Os comentários maliciosos, são apenas o "topo do iceberg". Isso quer dizer que o problema não está somente ali, existe a raíz.

Tarefa 39

Dependendo do tipo de comentários, eles podem mostrar...

- Um coração sujo

- Um coração rebelde

- Um coração invejoso

- Um coração magoado

E por aí vai... Você precisa analisar então, o que está em seu coração e começar a limpá-lo.

Depois disso, você precisará estar atenta às suas palavras e se vigiar para não cair no mesmo erro.

Lembrem-se, com nossas línguas e comentários... Todo cuidado é pouco!


12 comentários:

Danielly Jesus disse...

Esse artigo me ajufou e muito!!!! Vou passar para as meninas aqui da Igreja. Deus a abençoe!!!

Luciana Sales disse...

Realmente temos que está sempre vigiando e atenta para não vacilarmos com palavras que só irão atrasar as bÊnçãos que deveriam chegar....Na Fé

Anônimo disse...

é verdade! sem perceber tenho feito alguns comentarios para meu namorado e depois de ter falado e machucado é que percebo que não deveria ter falado,pelo ao menos não daquele jeito.pq a maneira como se expressa influencia e muito a comentario dito.mas as vezes nos deixamos levar por ciumes bobos.e falamos o que não devemos.agimos implusivamente.mas,essa postagem me ajudou e vou procurar vigiar mais antes de falar.para o melhor de todos. (rss)

Dijandira disse...

Estava exatamente refletindo sobre esse assunto hoje. Tinha o costume de comentar algumas coisas com amigas, sobre o que achava de algumas situações.

Mais percebi que não é saudável ficar lembrando de coisas negativas mesmo que seja verdade. Resolvi então a acabar com esses comentários bobos...acontecem tantas injustiças mais fico segurança minha língua. Não vou mais continuar com esse hábito, pois não está me levando a lugar algum.

Vou olhar as coisas sempre com bons olhos, e o que não for bom vai ficar.

Anônimo disse...

Isso é a pura verdade d.nanda e serviu muito pra mim tenho pedido a Deus pra me ajudar a ter bons olhos para com o proximo e ter controle na lingua pois ela contamina o corpo inteiro temos que vigiar e se desviar de comentarios alheios.

Paully Santos disse...

D.Nanda de fato a nossa língua é um pequeno órgão que se não controlarmos poderemos causar com ele muitos estragos tanto em nossa vida, como na de outras tantas pessoas. É tanto que que no livro de Tiago encontramos um capítulo que nos adverte em relação aos pecados da língua e o dever de refreá-la. Desde que aprendi que quem fala planta e quem ouve colhe, tenho procurado praticar com muita sabedoria a segunda opção.
Essa tarefa com certeza será cumprida por mim como todas as outras que até aqui foram postadas nesse blog, tenho crescido muito colocando-as em prática.
Parabéns pelo novo visual do blog, está muito lindo e que Deus permaneça lhe usando para nos abençoar.

Abraços!

Erika disse...

Amei esse artigo, falou muito comigo!

Nanda, faz um livro com esses desafios para solteiras, seria uma benção muito grande ter esses desafios em mãos todos os dias para consulta-los e segui-los!!

Deus abençoe grandemente.

Érika Rocha - Brasil

Anônimo disse...

Adorei esse artigo, D. Nanda!
Por isso temos que vigiar sempre! Lembrando que os comentários maldosos e um coração sujo podem começar pelos olhos que não são bons. Por isso em todas as minhas orações diárias peço a Deus que guarde os meus olhos para que todo meu corpo seja luz e sobre todas as coisas o meu coração. Não sou perfeita, ao contrário, sou cheia de defeitos, mas uma das coisas que mais vigio no meu comportamento são os meus olhos, e oro para aqueles que não tem bons olhos para comigo.
Muitas pessoas ao fazeram um comentário malicioso para outra só faz essa pessoa ver a outra com maus olhos e fazer um pré-julgamento, que na maioria das vezes é injusto.
Vigiar sempre! Farei isso mais ainda!
Obrigada por esse artigo!

Bjinhos carinhosos...
Michelle Maia - BH-MG

Michelle Rosa disse...

Muito forte Dn. Nanda! Eu tenho refletido muito sobre isso, Tenho buscado de Deus ser sábia e não cair nos enganos do meu coração! beijinhos!!

Gabriela disse...

É verdade! Quantas vezes fazemos comentários desnecessários... E quando vamos ver já falamos! Isso pode nos trazer problemas e mal entendidos. É preciso domínio próprio para guardarmos a nossa língua. Se não temos nada a acrescentar o melhor é calarmos...
Estou colocando esta dica em prática. Grande abraço.

Jane disse...

Olá dna Nanda,
Realmente o muito falar nos fazem as vezes cair em grandes ciladas,vigiar é o melhor a fazer,e vigiar sempre,para que as bençãos possam serem alcançadas por completo.Me ajudou muito esse artigo.
Beijosss!!!

Débora disse...

Ótima mensagem. Devemos estar vigilantes para que o que saia da nossa boca seja para edificar e não destruir. Bjos